Seguidores

20/05/2009

O PANTANAL SULMATOGROSSENSE


O Pantanal SulMatogrossense é uma das maiores extensões úmidas contínuas do planeta e está localizado no centro da América do Sul, na bacia hidrográfica do Alto Paraguai. Sua área é de 138.183 km2, com 65% de seu território no estado de Mato Grosso do Sul e 35% no Mato Grosso. A região é uma planície aluvial influenciada por rios que drenam a bacia do Alto Paraguai, onde se desenvolve uma fauna e flora de rara beleza e abundância, influenciada por quatro grandes biomas: Amazônia, Cerrado, Chaco e Mata Atlântica.

Pelas suas características e importância esta área foi reconhecida pela UNESCO, no ano 2000, como Reserva da Biosfera, por ser uma das mais exuberantes e diversificadas reservas naturais da Terra.

O rio Paraguai e seus afluentes percorrem o Pantanal, formando extensas áreas inundadas que servem de abrigo para muitos peixes, como o pintado, o dourado, o pacu, e também de animais, como os jacarés, as capivaras e ariranhas, entre outras espécies. Muitos animais ameaçados de extinção em outras partes do Brasil ainda possuem populações vigorosas na região pantaneira, como o cervo-do-Pantanal, a capivara, o tuiuiú e o jacaré.

Devido a baixa declividade desta planície no sentido norte-sul e leste-oeste, a água que cai nas cabeceiras do rio Paraguai, chega a gastar quatro meses ou mais para atravessar todo o Pantanal. Os ecossistemas são caraterizados por cerrados e cerradões sem alagamento periódico, campos inundáveis e ambientes aquáticos, como lagoas de água doce ou salobra, rios, vazantes e corixos.

O clima é quente e úmido, no verão, e frio e seco, no inverno. A maior parte dos solos do Pantanal são arenosos e suportam pastagens nativas utilizadas pelos herbívoros nativos e pelo gado bovino, introduzido pelos colonizadores da região.

O Pantanal não é apenas um. Estudos efetuados pela Embrapa Pantanal identificam 11 pantanais, cada um com características próprias de solo, vegetação e clima: Cáceres, Poconé, Barão de Melgaço, Paraguai, Paiaguás, Nhecolândia, Abobral, Aquidauana, Miranda, Nabileque e Porto Murtinho.

Já foram identificados quase duas mil espécies de plantas, classificando-as de acordo com seu potencial, como forrageiras, apícolas, frutíferas e madeireiras. Encontram-se em estudos algumas plantas que apresentam princípios ativos com potencial para aplicação médica e outros usos.

Nas últimas três décadas, a região vem sofrendo agressões pelo homem, praticadas principalmente nos planaltos adjacentes. Atualmente, os impactos ambientais e sócio-econômicos no Pantanal são bastante evidentes, decorrentes da inexistência de um planejamento que garanta a sustentabilidade dos recursos naturais desse importante bioma.

É preciso responder aos desafios de gerar uma nova base de informação tecnológica, capaz de conciliar o desenvolvimento econômico com a conservação ambiental. As pesquisas mostram que é possível utilizar de forma sustentável os recursos naturais da região, proporcionando a elevação da renda e melhoria da qualidade de vida da população pantaneira, além de estudar alternativas como o ecoturismo, gerando empregos e garantindo a conservação do meio ambiente.


Fonte: Embrapa Pantanal



O Caracará ecoa seu grito na mata,
E os Bem-te-vis estão a voar
É um Pantanal de natureza farta,
Em imagens que por si podem falar...
~
Como a onça se escondendo no capão,
Mirando sagazmente, e pronta para a caçar
A sucuri, que se esgueira pela vegetação,
E nas copas, estão tuiuiús a cantar...
~
Sopra o vento num céu azul perfeito,
Trazendo a chuva, pelos lados do Paraguai
O Aquidauana vai subir o seu leito,
A enchente vai chegar, eu sei que vai...
~
E as chalanas vão descer o seu remanso,
Acompanhada por um bando de araras
Haverá macacos pregos, brincando num balanço,
Naturalmente formado entre as taquaras...
~
Onde jacarés ficam estáticos ao sol,
E observam o movimento à beira do rio
São águas mansas, que mais parecem um lençol,
E é de Deus, o mais perfeito cenário...
~
Jandaias fazem ninho entre as flores,
Orquídeas, vitórias régias e açucenas
O Pantanal é de variadas cores,
Como o tucano, e o colorido de suas penas...
~
Flora e fauna, são exuberantes no pantanal
Tem Papagaio, quati e capivaras
Ararinha azul, tatu e garça real,
Uma natureza repleta de jóias raras...
~
É um ouro verde, sobre águas esmaecidas,
Onde peixes desovam a vida no manancial
E árvores protegem muitas novas vidas,
De um berço divino que é o Pantanal...

Autor Marco_Ramos

6 comentários:

  1. aaf nao consigo os pib das cidades do pantanal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deixe um e-mail e seu nome para eu te responder.

      Excluir
  2. QUem pergunto??

    ResponderExcluir
  3. QUem pergunto??

    ResponderExcluir
  4. aff que quero saber as regioes eu acho que são 4 nao lembro muito bem alguem pode me ajuda?

    ResponderExcluir
  5. Amigo anônimo,
    A Região Centro-Oeste é composta pelos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o Distrito Federal, onde está situada a capital do país, Brasília.

    Com a mudança da capital do Brasil do Rio de Janeiro para Brasília, em 1960, houve uma grande mudança na região. O aumento da população e a construção de estradas e ferrovias foram intensos. Hoje, a taxa de urbanização da região é de 81,3%. Sua área total é de 1.612.077,2 km², sendo a segunda maior região brasileira em território.

    ResponderExcluir

Aqueles que passam por nós, nunca vão
só e nem nos deixam só. Sempre deixam
um pouco de si e levam um pouco de nós.

Postagens populares

PanTaneira

PanTaneira